Arquivo do autor:Marianna Martignago

Mies e Romano Guardini – Cartas para o Lago de Como

Mies em sua palestra em 1928 (em NEUMEYER, 1991, p. 299) intitulada de ‘Precondição do fazer Arquitetônico’: A arquitetura não era um problema apenas da construção, no sentido da organização dos espaços e da economia. Era sim algo relacionado ao … Continuar lendo

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

Mies vs. Mondrian

Muito se descreve sobre as plantas e diagramas desta casa, sugerindo que foram influenciados pelas pinturas de Piet Mondrian. No entanto, o que Mondrian fez com quadros, Mies fez na arquitetura.  Ele buscava, assim como Mondrian, o espiritual. No entanto, … Continuar lendo

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

Sobre o espaço na Arquitetura

Zevi cita o crítico Geoffrey Scott que, seguindo tradições fisiopsicológicas, comenta que linhas, superfícies, volumes e massas tem um certo valor, mas não é o valor especifico da arquitetura: […] a arquitetura nos dá espaços com três dimensões, capazes de … Continuar lendo

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

“Veritas est adaequatio rei et intellectus” e seus significados

o falarmos de essência e da idade media, devemos retomar a frase de São Tomas de Aquino “Veritas est adaequatio rei et intellectus” . O motivo desta retomada é pelo fato de que não foram encontradas traduções esclarecedoras quanto as encontradas … Continuar lendo

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

A beleza para Santo Agostinho

“Tarde te amei, Beleza tão antiga e tão nova, tarde te amei! Tu estavas dentro de mim e eu estava fora, e fora de mim te procurava; com o meu espírito deformado precipitava-me sobre as coisas formosas que criaste. Estavas … Continuar lendo

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

Analogia à Literatura, segundo Mies.

A posição de Mies,  também pode ser compreendida através de uma analogia à disciplina de literatura em entrevista concedidas entre 1955 e 1964: Eu não estou trabalhando em arquitetura, eu estou trabalhando a arquitetura como linguagem. Acho que é necessário … Continuar lendo

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

Imaterialidade com bases filosóficas e teologicas

para ver com imagens : http://www.montfort.org.br/a-beleza-no-mundo-no-homem-e-em-deus-a-filosofia-da-arte-a-sabedoria-de-deus-na-criacao-e-a-vida-espiritual/ A beleza no mundo, no homem e em Deus: a Filosofia da Arte, a sabedoria de Deus na Criação e a vida espiritual  Pierre de Craon Lejeune INTRODUÇÃO O conceito de belo é sem … Continuar lendo

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

Raymond Roussel and Paul Scheerbart

Erik Morse is the author of Dreamweapon: Spacemen 3 and the Birth of Spiritualized (Omnibus Press, 2004) and Bluff City Underground: A Roman Noir of the Deep South, published later this year by Creation Books as part of its ‘Mondo Memphis’ … Continuar lendo

Publicado em Materialidade e Imaterialidade, Uncategorized | Deixe um comentário

THE BAUHAUS IDEA AND BAUHAUS POLITICS | Éva Forgács

  Introduction p. 1-4 IN APRIL 1919 the Bauhaus opened Its doors in Weimar, under the directorship of the architect Walter Gropius. It was the successor Institute to the Grand Ducal Saxon Art Academy and the Grand Ducal School of … Continuar lendo

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

O espiritual na arquitetura nos discursos de Bruno Taut e Walter Gropius

Ao pesquisar sobre manifestos do inicio do século passado encontrei três textos que chamaram a atenção sobre a questão espiritual. Estes textos foram publicado com uma distancia de 4 meses entre eles por Bruno Taut e Walter Gropius. Sendo um … Continuar lendo

Publicado em Materialidade e Imaterialidade | Deixe um comentário